<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6609360788119644874\x26blogName\x3dRapazes+de+Preto+++Noticias+de+despor...\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://rapazesdepreto.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://rapazesdepreto.blogspot.com/\x26vt\x3d1151129100679812676', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

Momentos

globet.com - the better you bet!

«Somos filhos de um Deus menor»

segunda-feira, 30 de abril de 2007

Foi com esta metáfora que hoje Manuel Machado se referiu à arbitragem de Olegário Benquerença na conferência de imprensa do final da partida que opôs a Académica ao Sporting de Braga, jogo que encerrou a jornada 27 da Bwin Liga.

Os bracarenses venceram o encontro com um golo que deixou muitas dúvidas aos presentes no estádio. Foi mesmo um jogo cheio de casos e em que o arbitro de Leiria foi mesmo alvo de muita contestação.

O técnico dos estudantes queixa-se do golo mal invalidado a Pitbull de livre no qual o arbitro já tinha apitado para a sua cobrança após rectificar o posicionamento da barreira e ainda pela expulsão de Káká e não assinalar um penalty no final da partida.

«A primeira parte foi equilibrada. A segunda foi condicionada pela expulsão de Kaká e ainda por um penalty não assinalado no último minuto [Paulo Jorge terá jogado a bola com a mão]. Uma decisão nos limites da acção do árbitro, a expulsão do nosso jogador, e fora das regras do bom senso», comentou assim o treinador, pedindo a quem de direito que tome uma atitude pelo que se passou no Estádio Cidade de Coimbra.

Etiquetas: , , ,

Autor: Libelinha » COMENTE: |

Convocados Académica Braga

Convocados da Academica para receber o Braga bwin liga

São estes os convocados de Manuel Machado para o jogo de mais logo ao fim da tarde e que pode assegurar a manutenção para a Académica no jogo que opõe os estudantes ao Braga.

Já o treinador Jorge Costa, optou por chamar para esta partida 20 jogadores:
1- Paulo Santos
12- Dani
3- Paulo Jorge
5- Nem
7- Davide
10- João Pinto
11- Césinha
13- Carlos Fernandes
14- Castanheira
15- Wender
16- Andrade
17- Frechaut
19- Maciel
21- Ricardo Chaves
23- Madrid
28- Rodriguez
77- Zé Carlos
79- Chmiest
87- Gama
88- Vandinho

A partir das 19.30 pode ouvir o relato da partida em 107.9 FM ou em www.ruc.pt ou então simplesmente seguindo este link para ouvir aqui a emissão radio online

Etiquetas: , , ,

Autor: Libelinha » COMENTE: |

Bilhetes grátis para sócios e estudantes

sexta-feira, 27 de abril de 2007


O anúncio é feito no site oficial! Não há desculpa para ficar em casa.

Está a decorrer uma campanha promovida pela Direcção da AAC/OAF, pela DG da AAC e pela Tbz com o objectivo para garantir que todos aqueles que querem apoiar a Briosa nesta importante e decisiva fase do campeonato o possam fazer na próxima segunda-feira às 19:45 nas bancadas do Estádio Cidade de Coimbra.

Assim:

PARA SÓCIOS DA AAC/OAF:

- Os sócios com lugar de época e quotas em dia podem levantar 5 convites (2 bancada central + 3 topo).*

- Os sócios com quotas em dia, sem lugar de época podem levantar 2 convites.*

* Estes convites podem ser levantados no Átrio do Estádio Cidade de Coimbra.
ATENÇÃO: Esta campanha está limitada ao número de lugares disponíveis para o efeito.

PARA OS ESTUDANTES UNIVERSITÀRIOS:

- Cada estudante universitário, portador de identificação comprovativa, pode levantar dois convites na Loja Académica/Tbz no edifício sede da AAC junto à Praça da República.
ATENÇÃO: Esta campanha está limitada ao número de lugares disponíveis para o efeito.

Etiquetas:

Autor: Libelinha » COMENTE: |

Alteração do Cartaz da Queima das Fitas de Coimbra 2007


Após uma apresentação inicial no Largo D.Dinis do cartaz oficial inicial eis que a Comissão da Queima anuncia algumas alterações ao cartaz previamente apresentado.

A Comissão Central da Queima das Fitas (CCQF) 2007 anunciou esta tarde as alterações ao cartaz que inicialmente tinha sido lançado.
Em nota de imprensa, a CCQF apresenta o novo alinhamento dos dias em que se registam mudanças:

Sábado, 5 de Maio: Da Weasel, Rui Veloso e Fartuna

Segunda, 7 de Maio: Vicious Five, Linda Martini, Xutos e Pontapés e Estudantina

Sexta-feira, 11 de Maio: Jorge Palma, Pedro Abrunhosa, Liquido, Rags, As Fans e Grupo de Fados

Os Liquido são uma banda de rock alemã que ficou conhecida pelo single “Narcotic”, que, lançado em 1999, vendeu cerca de 700 mil discos.

Desta forma, de acordo com o notícia do Jornal Universitário A Cabra e com o anúncio feito, os Bloodhound Gang ficam de fora da Queima das Fitas 2007, entrando Jorge Palma e Pedro Abrunhosa que assim repetem a sua presença na Queima de Coimbra

Etiquetas: ,

Autor: Libelinha » COMENTE: |

Amanhã é o dia D para Filipe Teixeira e Gyano

quarta-feira, 25 de abril de 2007

Gyano e filipe teixeira radiografia por libelinha
Amanhã é um dia decisivo para Filipe Teixeira e o mais recente herói dos estudantes, o avançado Gyano. Na passada Segunda-Feira sofreram ambos lesões traumáticas de alguma gravidade. Filipe Teixeira teve mesmo de abandonar o terreno, tendo-lhe sido diagnosticado um entorse na tíbio-tarsica, lesão que de resto o tem perseguido ao longo da carreira, ao passo que Gyano sofreu traumatismos no maxilar sendo transportado para o hospital no final da partida, ambos consequência de choques no jogo decisivo Beira-Mar, Académica que os estudantes venceram.

Numa primeira avaliação, José Barros, Chefe do Departamento Médico da Académica mostrou-se muito apreensivo face à condição dos atletas, temendo que pudessem ficar de fora até ao final da época.

Depois de uma segunda avaliação, as melhoras apresentadas pelos dois jogadores são animadoras, ficando a decisão marcada para amanha com nova avaliação clínica no regresso ao trabalho do grupo. Para já, estão em dúvida para o encontro que opõe a Briosa ao Braga em Coimbra.

Igualmente em dúvida para a recepção ao Braga está Pitbull e é certa a ausência de Dame, que cumpre um jogo de castigo após tem visto em Aveiro o cartão amarelo pela 5ª. vez esta época.

Etiquetas:

Autor: Libelinha » COMENTE: |

Golo de Gyano dá vitória à Académica

terça-feira, 24 de abril de 2007

De mal amado pelos adeptos da Académica passou ontem a herói.
SZABOLCS GYANO, de 27 anos, natural da Hungria marcou ontem um dos golos mais importantes da sua carreira e um dos mais importantes da época para os estudantes.

O golo apontado aos 83 minutos deu a vitória à Académica frente ao rival Beira-Mar num derby regional de grande importância para as contas da manutenção e que deixou os aveirenses na posse da pesada lanterna vermelha quando faltam quatro jogos para o final da Bwin Liga.

Este golo do ex Vasas Budapest valeu 3 pontos fundamentais e isola a briosa no 13º lugar com 5 pontos de vantagem sobre o mais directo adversário, o Vitória de Setúbal com 20 pontos.

Gyano não regressou a Coimbra com a equipa, tendo-o feito directamente para o hospital onde se confirmou a lesão do húngaro com diversas fracturas no maxilar depois de um choque com um adversário, segundos depois de entrar em campo. Jogou muitos minutos nesta situação e ainda teve força para marcar o golo que deu o triunfo aos estudantes.




Etiquetas: , ,

Autor: Libelinha » COMENTE: |

Académica vence Beira Mar por 1-0

segunda-feira, 23 de abril de 2007

Derby regional juntou em Aveiro Beira-Mar e Académica. Duas equipas à procura de pontos para assegurar a manutenção. Perante uma assistência de 8.497 espectadores a Académica venceu o Beira-Mar e encara agora com mais tranquilidade o final de campeonato.

Já habitualmente tenso, o ambiente para esta partida foi ainda incendiado por trocas de acusações e questões de âmbito directivo no que toca a preços e trocas de bilhetes. Juntando a tudo isto, os vizinhos são ainda adversários directos na tabela classificativa da Bwin Liga.

À entrada para esta 26ª jornada a Académica somava 22 pontos e os aveirenses 19, sabendo de ante-mão que o Aves tinha perdido com o Paços de Ferreira, mantendo assim os mesmos 19 pontos. O outro interessado, o Vitória de Setúbal jogava à mesma hora em Braga, onde acabou por empatar, passando a contabilizar 20 pontos, sendo agora o adversário mais próximo dos 'estudantes' que agora contam com uma confortável almofada de 5 pontos para os homens do Sado.

O Beira-Mar entrou em campo com Eduardo, Reginaldo, Ricardo, Alcaraz e Tininho, Diakité, André Leão, Rui Lima, Ratinho e Artur, com Edgar solto na frente.

Manuel Machado, treinador da Académica escolheu para este jogo o melhor 11 na perspectiva da maioria dos adeptos dos estudantes: Pedro Roma, Sarmento, Litos, Káká e Vitor Vinha, Roberto Brum e Paulo Sérgio, Dame, Filipe Teixeira e Lino com Joeano na frente.

O jogo foi de grande velocidade e de grande intensidade. Transições rápidas defesa/ataque que obrigavam os médios defensivos a esforços suplementares de compensação e reposicionamentos devido aos desequilíbrios provocados pelos movimentos de ruptura protagonizados principalmente por Filipe Teixiera e Dame pela Académica e Ratinho e Rui Lima para os aveirenses. Edgar e Joeano eram os alvos em movimento onde residiam as esperanças das equipas e dos adeptos.

As ocasiões de golo sucediam-se a um ritmo elevado e o jogo teve poucas pausas. Os jogadores estavam mais preocupados em jogar futebol e ganhar do que em fazer faltas. Bom sintoma.

A querer explorar as possíveis fragilidades da Académica nas alas, Paco Soler orientou a equipa de forma a que o ataque fosse feito pelas linhas solicitando Rui Lima, e Artur, o que obrigava o meio-campo da Académica a desposicionar-se defensivamente para apoiar Vinha mas principalmente Sarmento, concedendo muito espaço a André Leão, Ratinho e Diakité que tinham mais liberdade para jogar no meio.

A Académica jogava lateralmente na fase inicial da construção, depois flectia para o meio à procura do génio de Dame e Filipe Teixeira que conduziam o ataque procurando invariavelmente Joeano que mostrou estar num momento físico de grande exuberância. Igualmente importantes foram as integrações de Lino no apoio ao ataque, mas não com o brilho que já lhe vimos.

Miguel Pedro entra ainda no decorrer da primeira parte, rendendo Filipe Teixeira lesionado. Dame passa para o meio e o número 19 vai para o lado direito.

Nesta fase a Académica perdeu o meio-campo e o controlo do jogo. Tininho e Rui Lima lançaram várias vezes o pânico no lado direito da defesa da Académica. Edgar rematou com estrondo à barra. O Beira-Mar foi mais perigoso até ao momento da entrada de Alexandre. Assim equilibrou as contas no miolo e assumiu o controlo das operações no meio-campo. Lino recuou para a posição de defesa-esquerdo.

Apesar de na teoria o sector canhoto perder com esta troca, na prática foi benéfica. Joeano descaiu para a esquerda e no meio, curiosamente, muitas vezes foi o próprio Alexandre a conduzir alguns ataques da briosa com a saída de Dame para a entrada de Gyano. Roberto Brum subiu muito de rendimento.

Depois de boa recuperação de bola a Académica marca aos 85 minutos depois de boa jogada de Joeano na esquerda a cruzar para o interior da área onde surge em queda entre os centrais Gyano a concluir e a estabelecer o resultado final que deu 3 pontos aos estudantes.

O Beira-Mar apostou tudo no ataque mas a equipa da briosa mostrava estar tranquila e muito concentrada. Apesar do acumular de ocasiões de golo e da maior posse de bola, os estudantes mostravam estar seguros e ter o jogo controlado.

A PAUTA:

PEDRO ROMA: (15) Faz uma defesa impossível a um remate à queima-roupa na pequena área a corrigir um erro dos centrais. Esta monumental defesa impediu o Beira-Mar de se colocar em vantagem, o que a verificar-se, se traduziria previsivelmente numa vitória para os da casa. É uma lenda, um símbolo vivo do clube!

SARMENTO: (13) Bom jogo. Teve alguns problemas com Rui Lima, mas com o tempo arrancou um grande exibição. Impecável na marcação e fez vários cortes decisivos.

VITOR VINHA: (14) Grande dupla com Lino. Sabe defender e atacar. Muito certo, sólido, transmite segurança. Se mantiver esta forma, consistência e lhe sejam dadas as oportunidades para isso, pode bem ser a médio prazo uma opção válida para uma posição onde há algumas carências na selecção Nacional. Está a ganhar confiança e sobriedade.

KÁKÁ: (14) Parece um jogador da casa... Tem atitude, raça, motiva os colegas. Imbatível em velocidade e grande presença no jogo aéreo.

LITOS: (15) Uma muralha. Tem sempre aquela atitude e aquela cara de 'game face' sempre sério, concentrado. Luta, ganha, impõe-se, corta...é o patrão! Teve cortes absolutamente decisivos

PAULO SÉRGIO: (13) Valeu a presença física. Muito trabalho nas compensações e desdobramentos. Tacticamente acaba por fazer um jogo brilhante. Sacrificou-se sem se dar por isso. Tem 2 desatenções que podiam ter custado muito caro.

ROBERTO BRUM: (17) IMPERIAL! Garantiu à equipa muita da posse de bola que teve. Muitas vezes se disse que não tem pé esquerdo, e hoje fez questão de provar o contrário. Variou e descongestionou várias vezes o flanco com passes 'tele-guiados' de pé esquerdo. Quando ganha a posição ao adversário fica sempre com a bola...e sem precisar de recorrer à falta! Como habitualmente 'toureou' naquele seu estilo peculiar os adversários que o presionavam. Melhor jogo do brasileiro, cada vez mais conimbrincense esta época. O melhor em campo! Que o seu pai venha sempre aos jogos!

LINO: (13) Não foi o jogador habitualmente desequilibrador que conhecemos. Fez, no entanto boas combinações com Vitor Vinha que juntos dinamizaram o sector. Acabou no lugar do seu companheiro de flanco onde defendeu bem.

DAME: (14) É genial a construir jogo. É um luxo poder jogar com Dame e Filipe Teixeira na mesma equipa. Vê o jogo e os lances antes de acontecerem. Provocou inúmeros movimentos de ruptura. Há poucos jogadores capazes de marcar um jogador com estes atributos técnicos que tem ao mesmo tempo aquela capacidade física. Precisa de controlar as emoções melhor. Tem que por os nervos ao serviço do seu futebol e não nos protestos ou em picardías com adversários. Tem que ser superior a isso.

FILIPE TEIXEIRA: (15) Pensa futebol. Respira futebol. É genial a construir jogo. A sua capacidade de passe é abismal. Extremamente inteligente nos timings de soltar a bola. É exímio no drible táctico. A sua capacidade física permite-lhe a generosidade de apoiar em missões defensivas e de pressão ao adversário. Atitude inspiradora para os jovens e para os colegas...um exemplo a seguir. Esperemos que a sua lesão seja facilmente ultrapassável. Precisamos do génio!

JOEANO: (15) Que alma! Transpira vontade e faz valer cada gota de suor. Não dá um lance por perdido. Não se acomodou à marcação dos centrais e foi, por isso, uma das chaves do jogo. A sua movimentação deambulante no ataque intranquiliza os centrais, desposicionando-os. Faz, da esquerda, a assistência para o golo do húngaro.

- - -

MIGUEL PEDRO
: (12) Correu muito, pressionou muito, lutou muito e abriu muitas linhas de passe. Fez aquele papel importante mas que não entra nas estatísticas.

ALEXANDRE: (15) Entrou quando a equipa perdeu o meio-campo e reconquistou-o! No seu raio de acção é dono e senhor. Para além da eficácia com que defende ainda fez algumas vezes de 'Dame' e conduziu o ataque...surpreendentemente bem! Só com a sua entrada é que os estudantes conseguiram controlar o jogo. Pôs ordem na casa e foi o alicerce para construir a vitória.

GYANO: (16) ...e eu ainda dizia para o amarrarem ao banco...! As vezes quando um aparelho faz mau contacto, da-se umas palmadas para funcionar bem. Fizeram-lhe bem as palmadas de reanimação aplicadas por José Barros. Depois de reabilitado da lesão traumática transformou-se. Foi móvel, ágil e sempre muito incisivo no seu posicionamento. Esteve longe de ser o jogador macio e sem atitude competitiva que mostrou noutras ocasiões. Marcou um golaço à ponta-de-lança em queda entre os centrais. Aguentou em jogo e marcou um golo mesmo tendo o maxilar possivelmente com diversas fracturas. Notável capacidade de sofrimento. Heróico! Um golo que pode valer toda uma época.

MANUEL MACHADO: (15) Colocou em campo o '11 do povo' (tirando o Alexandre em vez do Paulo Sérgio, talvez). Percebeu bem o que o seu adversário procurou fazer e cortou-lhe sempre as vasas. Muito atento aos 'sinais' do jogo. Ganhou o jogo ao fazer entrar Alexandre. No entanto pareceu-me demasiado distante e profissional na forma fria como abordou esta vitória na conferencia de imprensa... será algum recado?

JOSÉ BARROS: (20) Acordou o predador!



Vitor Vinha sublinhou no final que é uma vitória que pode valer 4 pontos pois dá em caso de igualdade pontual, vantagem sobre o Beira-Mar.
A Académica já tem 25 pontos. Esta vitória pode dar ao grupo a tranquilidade necessária para vencer no proximo dia 29 (domingo) o Braga no Calhabé em Coimbra.
O cenário ideal seria fazer mais um ponto, mas esta pontuação já pode assegurar a manutenção. Para já a almofada pontual é de 5 pontos para os perseguidores, mas é bom que não se durma sobre ela. Ainda temos de jogar com 2 grandes e um candidato à Europa.

Etiquetas: ,

Autor: Libelinha » COMENTE: |

Gyano e Filipe Teixeira com lesões de alguma gravidade

Sendo ainda cedo para avaliar a gravidade das lesões de Filipe Teixeira que saiu ainda no decorrer da primeira parte e de Gyano que chegou mesmo a estar inconsciente, José Barros adiantou-nos uma primeira avaliação da condição dos dois jogadores.

Filipe Teixeira, depois de um lance em que Pedro Proença perdoou o cartão amarelo a Alcaraz "fez uma entorce na tibio-társica com o edema localizado na parte externa causando-lhe dores incapacitantes. É uma lesão que o jogador tem tido repetidamente ao longo da carreira e agora o pode afastar do resto do campeonato." A confirmar-se a sua ausência trata-se de uma baixa de peso no conjunto estudantil.

Gyano, alguns segundos após entrar em campo choca com um adversário caindo na área inanimado na sequência de um canto. José Barros, médico da Académica demorou alguns minutos a reanimar o jogado que, inclusivamente caiu novamente depois de se levantar.
Acabou por aguentar o jogo todo apesar de ter o maxilar fracturado, e ainda apontou entre os centrais do Beira-Mar o golo aos 85 minutos que deu a vitória aos estudantes.
Foi transportado para o hospital no final da partida.

Etiquetas: , ,

Autor: Libelinha » COMENTE: |

Convocados da Académica para a deslocação a Aveiro

domingo, 22 de abril de 2007

convocados académica beira mar

São estes os 18 convocados dos 'estudantes' para o decisivo Beira-Mar - Académica.

Em comparação com o jogo da Académica com o FC Porto, Manuel Machado adiantou que «Não vamos alterar grande coisa. Será uma equipa de continuidade. Nesta altura do campeonato, há pouco a mexer», salientou.

De fora, o avançado Cláudio Pitbull está mesmo arredado do «derby» regional, ao qual se juntam os lesionados Hélder Barbosa, Milos Pavlovic, Nuno Luís e Nuno Piloto.

Seguro estará o contributo do avançado Joeano, que integrou esta quinta-feira o treino sem limitações.

A Académica ocupa presentemente o 13º lugar com 22 pontos, enquanto o Beira-Mar é 14º com 19.

O jogo disputa-se segunda-feira, às 19:30, no Estádio Municipal de Aveiro, sob a arbitragem de Pedro Proença, de Lisboa.





No Beira-Mar, Devic e Delibasic são 'cartas fora do baralho' para Francisco Soler na recepção aos 'estudantes'.

Fica aqui a antevisão de Paco Soler ao jogo decisivo marcado para amanha as 19h30m


  • Audio Soler: «Três pontos importantes»

  • Audio Soler: «Estamos num bom momento»


  • Fica aqui também a lista de convocados dos aveirenses:

    Guarda-redes: Eduardo e Alê;

    Defesas: Jorge Vidigal, Reginaldo, Ricardo, Buba, Alcaraz e Tininho;

    Médios: André Leão, Diakité, Emerson, Luciano Ratinho, Rui Lima, Vasco Matos e Matheus;

    Avançados: Artur, Roma, Diarra e Edgar.

    Etiquetas: ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Treino dos Infantis termina com sessão de porrada

    sábado, 21 de abril de 2007

    Miudos

    Terminou, ao que parece, da pior maneira possível o treino dos Infantis na última Quinta-Feira.

    Os jovens, ao que sabemos envolveram-se numa troca de palavras com outros jovens da comunidade cigana instalada no Parque Nómada, mesmo ao lado do Complexo Dr.Francisco Soares.

    Os conflitos terão envolvido vários jogadores e alguns elementos da equipa técnica e residentes e familiares dos jovens do Parque Nómada.

    O incidente levou a que fosse chamada ao local a Polícia de Segurança Pública, PSP para cobrir a ocorrência.

    O Rapazes de Preto vai procurar aprofundar mais esta notícia nas próximas horas.

    Etiquetas:

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Presidente do Beira-Mar não quer adeptos da Académica em Aveiro

    Artur Filipe Presidente do Beira-Mar
    Artur Filipe, Presidente do Beira-Mar não quer a presença dos adeptos da briosa, no jogo que opõe estudantes e aveirenses, agendado para Segunda-Feira ao inicio da noite . Houve um esforço por parte da direcção do clube de Coimbra e da sua claque Mancha Negra para que os academistas assistissem de forma gratuita ao jogo decisivo que para além de ser um importante derby regional pode decidir tudo no que toca à manutenção dos dois emblemas no escalão principal do nosso futebol. Artur Filipe, ao aperceber-se da enorme 'avalanche negra' que se preparava para invadir em número elevado e com grande fervor no apoio aos estudantes, o estádio, fez tudo para dificultar o seu ingresso, recorrendo nesse sentido a uma subida drástica do preço dos bilhetes para 15 euros, algo incompreensível para um jogo que se disputa a uma Segunda-Feira.

    Este episódio, poderá incendiar os ânimos dentro e fora das quatro linhas. Somando-se a isto, fica muito mal aos aveirenses esta atitude depois do cavalheirismo demonstrado pela Académica ao aceder e permitir que o jogo fosse adiado para segunda, para que o Beira-Mar pudesse descansar e preparar mais justamente a partida frente aos estudantes.

    Segue o esclarecimento da claque, em forma de comunicado que o Rapazes de Preto transcreve:

    Comunicado da Mancha Negra
    A claque oficial Mancha Negra vem por este meio informar o seguinte:

    No seguimento de uma conversa tida no domingo à noite, após o nosso desaire no sábado e os nossos concorrentes directos pela manutenção terem ganho, entre um elemento da direcção da claque e o sócio da AAC-OAF Luís Godinho, deu-se início a uma campanha para poder levar o maior número de adeptos ao estádio do Beira-Mar, com o objectivo de apoiar a "mágica" Briosa. Essa campanha consistia em, após angariar alguns apoios junto a empresas associadas à AAC-OAF (apoios esses que trataria o referido sócio da AAC-OAF), garantir viagem e bilhete gratuito, para que assim a adesão fosse em massa!!

    Na quarta-feira, a claque, tinha já cerca de 850 pessoas inscritas, superando assim, e muito, o número esperado (cerca de 500). Além do mais, a direcção do Beira-Mar, têm dificultado ao máximo a aquisição de ingressos, colocando-os a venda inclusive por um preço absurdo (para um jogo a uma segunda-feira ás 19:30!!) de 15 €..

    O facilitismo que nos foi dado a entender, e também a vontade de levar o máximo número de pessoas, levou-nos a exceder em muito o valor que tínhamos previsto, e tornando completamente impossível realizar a viagem de forma gratuita.

    Somos portanto obrigados a informar todos os associados que terão de desembolsar a quantia de 15€, preço pedido pelo Beira-Mar na segunda-feira, altura em que serão adquiridos os ingressos.

    Pedidos a compreensão de todos os que se inscreveram, e que por favor, caso continuem interessados em viajar com a Mancha Negra para apoiar a "magica" Briosa, informem até sábado às 24h o seu desejo através dos seguintes contactos: 964701787 / 917691086 / 936000633.

    Todos os inscritos serão contactados por telefone.
    Estamos confiantes que os verdadeiros adeptos estarão presentes e darão o melhor apoio à Associação Académica de Coimbra!

    Viva a Briosa!

    Etiquetas: , , ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    PSP liga neonazis a claques

    nazi swastica psp extrema direita right wing
    Escreve Carlos Varela. In Jornal de Notícias

    A PSP detectou ligações directas entre a extrema-direita neo-nazi e as claques de futebol, segundo um "Relatório Especial de Informações" daquela força policial a que o JN teve acesso. Aliás, a quase totalidade dos indivíduos que estão referenciados pela PSP foram agora detidos pela Polícia Judiciária e estavam ontem a ser ouvidos no Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa, no âmbito da operação policial que levou à detenção de cerca de 30 indivíduos.

    Cerca de 20 foram libertados, mas dez dos suspeitos foram conduzidos a tribunal para serem ouvidos pelo juiz e conhecerem as medidas de coacção, após cerca de dois anos de investigação por parte da PJ, incluindo escutas telefónicas e meses de vigilâncias electrónicas que se estenderam até às imediações dos estádios de futebol, antes e depois dos encontros. As acusações são de incitamento à discriminação racial, posse ilegal de arma e ofensas corporais.

    No conjunto, segundo fonte policial adiantou ao JN, oito dos detidos têm ligações à élite da extrema-direita, a Portugal Hammerskin, mas em simultâneo ao "Grupo 1143", um grupo organizado de apoiantes do Sporting, mas em que a "identificação com o movimento skinhead de pendor nacionalista e a partilha da ideologia nazi se sobrepõem às fidelidades desportivas, secundarizando a própria dedicação ao clube", segundo o conteúdo do relatório da PSP.

    O documento foi elaborado no dia 28 de Dezembro de 2005 pelo Departamento de Informações Policiais (Depipol), da Direcção Nacional, mas fontes policiais salientaram ao JN que "todo o conteúdo continua a reflectir as preocupações actuais" e a sua elaboração esteve a cargo do Ponto Nacional de Informações de Futebol (PNIF). Aliás, o PNIF é igualmente responsável pela elaboração de informação sobre os elementos mais perigosos das claques e suas ligações à extrema-direita, informação essa que foi passada à Direcção Central de Combate ao Banditismo (DCCB), poucas semanas antes do desencadear da operação de anteontem, que levou às dezenas de detenções.

    O relatório dá, no entanto, conta da existência de elementos de extrema-direita junto de claques de futebol do Benfica, FC Porto, Académica, Boavista, Portimonense e Amora, não as limitando, assim, ao Sporting. O relatório da Depipol salienta que "grande parte dos indivíduos que, em Portugal, se encontram referenciados por associação à extrema-direita não se identificavam com esta ideologia quando entraram para uma claque". Para a PSP, a "presença de skinheads ligados às ideologias de extrema-direita nas claques portuguesas passa, essencialmente, por uma forma de atingir os seus objectivos".

    E as preocupações não passam apenas pela prática da violência mas também pelo "papel que indivíduos ligados ao movimento skinhead poderão exercer nos grupos organizados de adeptos de futebol". Ou seja, as autoridades não apontam as claques como um mal em si mesmo, mas pelas influências extremistas que ali podem germinar "(...) Os jovens são particularmente influenciáveis e propensos a adoptar comportamentos de risco, o que poderá incitar nos estádios de futebol a uma propaganda organizada que incite à discriminação, ao ódio ou a violência racial".

    Detidos pela Judiciária são dirigentes dos Hammerskin

    Se dúvidas houvesse sobre a ideologia professada pelos dez indivíduos que ontem foram presentes no TIC de Lisboa pela DCCB, os vivas a Hitler estavam lá para esclarecer. Respondiam, assim, aos incentivos e apelos à coragem e gritos de "Viva Portugal" dos amigos e apoiantes que tinham ficado à espera à porta do TIC. Os carros da DCCB entraram rapidamente na garagem do TIC, no final de uma operação que já dura há pelo menos dois anos. Nos veículos seguiam homens que são também há muito conhecidos pelo PNIF e pela Depipol, um e outro habituados a seguir os movimentos dos extremistas de direita. E nas viaturas da DCCB seguiam elementos há muito conhecidos das autoridades, inclusive por agressão a elementos da PSP, durante os encontros futebolísticos. Lá estavam Mário Machado, o dirigente dos Hammerskin, mas também o seu número dois, um elemento das Caldas da Rainha. E igualmente um indivíduo de Peniche, suspeito do envolvimento em acções violentas que tiveram lugar naquela localidade em 2005, assim como um outro dirigente dos Hammerskin, mas este filiado igualmente no PNR. Curiosamente, na busca à sede do PNR pela PJ estavam também preocupações com anabolizantes, mas José Pinto Coelho classificou essa ideia como um "absurdo. Não temos aqui nenhum ginásio".

    Etiquetas: , , , ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Cartaz oficial da Queima das Fitas de Coimbra 2007

    quinta-feira, 19 de abril de 2007

    Cartaz da queima das fitas de coimbra 2007


    Foi esta tarde apresentado o cartaz oficial da Queima da Fitas 2007, principal festividade académica e dos mais importantes acontecimentos da cidade de Coimbra.

    As Noites do Parque vão ter a seguinte programação:

    Sexta-feira, 4 de Maio: The Gift, Skye e Coral Quecofónico do Cifrão

    Sábado, 5 de Maio: Da Weasel e Rui Veloso

    Domingo, 6 de Maio: Mau, Blasted Mechanism e Fanfarra

    Segunda, 7 de Maio: Linda Martini, Xutos e Pontapés e Estudantina

    Terça, 8 de Maio: Diapasão, Quim Barreiros, Tuna Masculina e Feminina de Medicina

    Quarta, 9 de Maio: The Cynicals, Asher Lane, In Vino Veritas e Mondeguinas

    Quinta, 10 de Maio: Oioai, André Sardet, Orxestra Pitagórica e Grupo de Cordas

    Sexta, 11 de Maio: Vicious Five, Bloodhoung Gang, Rags e As Fans

    Os bilhetes gerais começam a ser vendidos a partir do próximo dia 26 de Abril. 42 euros (parque), 50 euros (sem Baile de Gala) e 65 euros (com Baile de Gala) são os preços definidos pela organização, tendo Jorge Serrote afirmado na conferência de Imprensa que uma pequena percentagem da verba conseguida com a sua venda reverte para a Queima Solidária.

    Etiquetas:

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Derby regional de importância capital

    Mancha Negra invasão a Aveiro

    TERMINA HOJE O PRAZO DE INSCRIÇÔES!!!

    -Num jogo de "tudo ou nada", a Mancha Negra -Claque oficial da AAC- está a
    Organizar uma autêntica invasão a Aveiro, com o objectivo de que TODOS os
    Académistas marquem presença neste encontro de caracter decisivo para a nossa
    mágica Briosa.
    Asssim, a Claque Mancha Negra vai Disponibilizar a TODOS os ACADÉMISTAS,
    transporte e bilhete GRATUITOS na deslocação a Aveiro, com a finalidade de
    APOIAR a nossa equipa com toda a FORÇA na conquista da VITÓRIA rumo a
    Manutenção no escalão maior do nosso futebol profissional.

    As inscrições e informações adicionais podem e devem ser efectuadas na sede
    da claque, sito pavilhão Jorge Anjinho, de segunda a quinta até as 19H ou
    Através dos telefones 936000633, 964701787 e 917691086.
    A viagem esta programada para Segunda dia 23 com saída prevista para as 17:30
    do
    Pavilhão Jorge Anjinho.


    Saudações Académicas,
    Miguel
    936000633
    Email: MNTours85@manchanegra85.com
    MNTOURS85

    Etiquetas: , , , , ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    George Michael e depois... Liedson

    terça-feira, 17 de abril de 2007

    George Michael em Portugal em Coimbra

    A jornada 29 da Bwin Liga tem um cartaz de peso e assume contornos de extraordinária dificuldade para a Académica.

    A jornada está marcada para 13 de Maio e, para além do Aves - Estrela da Amadora, Nacional - Beira-Mar e V.Setúbal - Benfica, jogos importantes para as contas dos estudantes, no Estádio Cidade de Coimbra a cidade recebe o Sporting, mas na véspera recebe... George Michael.

    O espectáculo é promovido pela empresa Ritmos e Blues, que em 2003 produziu o concerto dos Rolling Stones, com que o município de Coimbra inaugurou o estádio, que em 2004 foi palco de alguns jogos do campeonato europeu de futebol.
    Nuno Braamcamp, em nome da empresa organizadora, admitiu, por questões de segurança reduzir a lotação do espectáculo para 40 mil pessoas.

    A Ritmos e Blues está a trabalhar em parceria com a TBZ, entidade gestora do estádio, e com a Câmara Municipal de Coimbra, apresentando ontem o concerto em conferência de imprensa na tribuna VIP do estádio.

    O final da Queima-das-Fitas, principal festividade e cerimónia académica será no dia 11 de Maio. Também presente na conferência de imprensa, Paulo Fernandes, Presidente da Direcção Geral da Associação Academica declarou que numa altura em que comemora 120 anos, “a AAC, mais uma vez, não só defende os estudantes e a Universidade, mas também toda a cidade”. A escolha da data – para o dia depois do final da Queima das Fitas – não preocupa o dirigente associativo: “a Queima das Fitas tem uma lógica diferente. Não é por isso que algo correrá menos bem para o concerto”.

    Sobre o concerto de abertura da “25 Live Tour”, que traz pela primeira vez o britânico a Portugal sabe-se pouco, mas a organização adiantou que o palco é “esmagador em termos de tamanho” e que esta é “uma tourné muito grande em termos de logística”, facto que não deixará de preocupar os adeptos da Académica, que defronta no dia seguinte o Sporting.

    O jogo assume um carácter decisivo. O Sporting vem a Coimbra podendo ainda estar a discutir o título ou o segundo lugar que lhe garanta acesso directo à Champions League, enquanto a briosa poderá estar ainda a fazer contas à manutenção.

    Teme-se assim, naturalmente, pelo estado do relvado aquando do apito inicial do árbitro. Sobre este assunto, António Silva, Venue Master do Estádio, descansa os adeptos explicando que o palco vai ficar “no topo norte” do estádio e “fora do relvado”. Aliás, tendo em conta que o desafio com os leões está marcada para o dia seguinte, domingo, “o palco fica no estádio no dia do jogo”.

    Sabemos que a última coisa a ser colocada será a alcatifa e a protecção sobre o relvado, que será também a primeira coisa a ser retirada. Foi-nos dito ainda, com base na experiência de 2003 com os Rolling Stones, que os eventuais danos causados no relvado não se evidenciam no dia seguinte. A haver algum problema, que se prevê não haver, apenas se poderá notar mais tarde ao longo da semana nalgum possível desgaste.

    Sendo assim, ficam os adeptos da briosa a esperar que o "levezinho" faça em Coimbra tantos estragos quanto o britânico ex-Wham ou seja, o mínimo possível.


    O Rapazes de Preto agradece o mail do leitor José Ricardo Aguilar que nos questionou sobre este assunto, que aproveitámos para investigar e informar os nossos leitores.

    Etiquetas: , ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Delibasic pára duas semanas



    O Avançado montenegrino do Beira-Mar, Delibasic vai ficar de fora das opções de Paco Soler num período que poderá ir de uma a duas semanas.

    O jogador, que completa este mês 26 anos, contraiu uma lesão traumática no jogo com o V.Setúbal e o diagnóstico do departamento médico dos aveirenses aponta para que o jogador fique de fora das partidas com Sporting para a Taça de Portugal e contra a Académica de Coimbra, duas partidas fundamentais para as aspirações dos homens da cidade da ria.



    Delibasic, que se encontrava em crescendo de forma é baixa de peso no conjunto, e junta-se a Ezequías e Makelele.

    Em sentido contrário está o central Devic que se juntou esta Terça-feira aos trabalhos com a equipa no estágio em Vila-Franca e corre para a recuperação total.

    Etiquetas: , , , , ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Previsão da classificação final da Bwin Liga 2006/2006

    segunda-feira, 16 de abril de 2007

    O fim de Abril leva a chuva;
    O fim da chuva traz o calor;
    O calor traz Maio;
    Maio traz o final do campeonato.

    Tem sido tradição dos últimos anos que em Coimbra, cidade de tradições, a mesma faça o comum adepto da Académica tornar-se num especialista em Matemática.

    bloco de notas de Manuel Machado


    Esta repetitiva realidade, tem feito do academista um verdadeiro mestre no que toca a números, probabilidades e estatística.

    Não há na cidade, conversa de café que não envolva esse fenómeno notável da sociologia coimbrã... matemática e futebol.

    Secretaria contas e matematica manuel machado academica

    Certamente, por esta hora, enquanto a cidade vai adormecendo neste final de noite de Segunda-feira, uma luz vai, no entanto, permanecer acesa. Enquanto conversamos, Manuel Machado estará debruçado sobre a secretária, mergulhado em contas, papéis, fotos, lápis, cassetes de vídeo e uma máquina de calcular que trabalha freneticamente já com as teclas desgastadas devido ao uso intensivo.

    Entre uma consulta ao seu alfarrábio das tácticas, um vídeo de um jogo de um adversário e uma espreitadela na classificação, Manuel Machado vai fazendo contas à sorte, à vida e ao futuro cada vez mais próximo.


    Também nós, no Rapazes de Preto nos temos debruçado sobre o cálculo matemático probabilístico e futurologia. Este post tem vindo a ser preparado há algumas semanas a esta parte, mas a incerteza crescente, as contigências específicas de cada jogo e as surpresas que o desfecho de cada jornada nos tem dado torna impossível, mesmo ao maior astrólogo prever o desfecho do campeonato.

    Mesmo assim decidimos arriscar e juntar as contas e previsões de alguns editores do blog, sócios amigos e alguns jornalistas. O resultado foi este:


    FALTAM: 5 jornadas x 3 pontos = 15 PONTOS EM DISPUTA.
    (previsões calculadas com base nos valores máximos e mínimos somados no final dos 5 jogos)

    Associacao Academica de CoimbraACADÉMICA

    Calendário: Beira-Mar(F), Braga(C), Marítimo(F), Sporting(C) e Benfica(F)
    Previsão: Soma entre 3 a 5 pontos
    Pontuação final: 25-27 pontos (actualmente 22)


    vitoria futebol club setubalVITÓRIA SETUBAL

    Calendário: Braga(F), Marítimo(C), Sporting(F), Benfica(C) e Naval(C)
    Previsão: Soma entre 2 a 4 pontos
    Pontuação final: 21-23 pontos (actualmente 19)


    Estrela da AmadoraESTRELA DA AMADORA

    Calendário: Boavista(C), Nacional(F), P.Ferreira(C), Aves(F) e U.Leiria(C)
    Previsão: Soma entre 5 a 6 pontos
    Pontuação final: 30-31 pontos (actualmente 25)


    Beira-MarBEIRA-MAR

    Calendário: Académica(C), Belenenses(F), Boavista(C), Nacional(F) e P.Ferreira(C)
    Previsão: Soma entre 4 a 6 pontos
    Pontuação final: 23-25 pontos (actualmente 19)


    desportivo das avesDESPORTIVO AVES

    Calendário: P.Ferreira(C), Naval(F), U.Leiria(F), Estrela Amadora(C) e FC.Porto(F)
    Previsão: 3 a 5 pontos
    Pontuação final: 22-24 pontos (actualmente 19)


    Previsao da classificacao final da bwin liga 2006 2007

    A Liga está ao rubro e a emoção é mais que muita. Cada jornada é uma surpresa, mas no final a verdade tem de ser uma: BRIOSA NA PRIMEIRA!

    Etiquetas: , ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Claque Mancha Negra prepara o derby Académica, Beira-Mar

    Mancha Negra invasão a Aveiro
    -Num jogo de "tudo ou nada", a Mancha Negra -Claque oficial da AAC- está a
    Organizar uma autêntica invasão a Aveiro, com o objectivo de que TODOS os
    Académistas marquem presença neste encontro de caracter decisivo para a nossa
    mágica Briosa.
    Asssim, a Claque Mancha Negra vai Disponibilizar a TODOS os ACADÉMISTAS,
    transporte e bilhete GRATUITOS na deslocação a Aveiro, com a finalidade de
    APOIAR a nossa equipa com toda a FORÇA na conquista da VITÓRIA rumo a
    Manutenção no escalão maior do nosso futebol profissional.

    As inscrições e informações adicionais podem e devem ser efectuadas na sede
    da claque, sito pavilhão Jorge Anjinho, de segunda a quinta até as 19H ou
    Através dos telefones 936000633, 964701787 e 917691086.
    A viagem esta programada para Segunda dia 23 com saída prevista para as 17:30
    do
    Pavilhão Jorge Anjinho.


    Saudações Académicas,
    Miguel
    936000633
    Email: MNTours85@manchanegra85.com
    MNTOURS85

    Etiquetas: , , , , ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Prognósticos

    Hoje, entre as 21h e as 23h, o Desporto da RUC irá:

  • Recordar e fazer o balanço da AG de associados da última quarta-feira

  • Fazer o balanço, ouvir os intervenientes e proceder ao comentário da derrota com o FC Porto

  • Entrevistar Paulo Fernandes, presidente da DG/AAC, sobre as ideias para o desporto da Academia em 2007


  • A NÃO PERDER NOS 107.9FM DA RADIO UNIVERSIDADE DE COIMBRA A PARTIR DAS 21 HORAS
    WWW.RUC.PT -> Escute AQUI

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    A derrota anunciada...

    domingo, 15 de abril de 2007

    Análise por Diogo Lucas Pires


    A Académica, mais uma vez, não conseguiu pontuar.

    No jogo de ontem, frente ao Campeão Nacional, o F.C. Porto, e depois de 3 empates consecutivos, a Briosa voltou a sentir o sabor amargo da derrota, resultado incrivelmente comum nos jogos em casa, ao longo desta época.
    1-2 foi o resultado final, num jogo que teve vários protagonistas, alguns dos quais pelos piores motivos, como é o caso do árbitro Carlos Xistra, e principalmente do seu fiscal de linha que acompanhou o ataque da Académica na 2ª parte, que teve uma actuação vergonhosa, não assinalando faltas claras (uma delas seria grande penalidade) contra o FCP, e assinalando foras-de-jogo inexistentes.
    Mas Manuel Machado terá sido também protagonista pela negativa, pois terá errado claramente no onze e no sistema que adoptou para este jogo.
    Não faz, quanto a mim, sentido abdicar dos médios defensivos no onze inicial, e depois colocá-los quando se encontra a perder.
    A equipa entrou claramente desequilibrada, com Gyano de início, que não tem qualidade para jogar na Académica e que já teve demasiadas oportunidades para mostrar o valor que não tem.

    Para este jogo exigia-se presença no meio campo e Joeano no ataque, e a primeira parte foi um equívoco do treinador, que ao intervalo viria a dar a mão à palmatória, retirando o Húngaro de campo e colocando Roberto Brum. A Académica entrou no jogo com 45 minutos de atraso, pois a primeira parte foi de domínio do Porto, que teve cerca de dez oportunidades de golo, contra as duas ou três que teve a Académica, a mais flagante das quais falhada por... Gyano.
    Na segunda parte e Académica equilibra o jogo com a entrada de Brum, mas após (mais) uma desatenção defensiva o Porto faz o 0-2 e quase sentencia a partida.
    A Académica não baixou os braços e acabou por reduzir por Lino, a dez minutos do final.


    Adriano FC Porto academica


    Pedro Roma (13) Começa o jogo com uma defesa do outro Mundo, e esteve sempre em grande plano. No lance do primeiro golo não teve a ajuda necessária dos colegas para aliviar a bola da zona perigosa. No segundo nada a fazer. Como alguém disse, "milagres só os Santos os fazem", e Pedro Roma ainda não chegou lá...

    Sarmento (9) Aposta de MM para marcar Quaresma, teve na 1ª parte o auxílio de Dame, Paulo Sérgio e Gyano, mas nem assim conseguiu parar o extremo portista. No segundo golo foi ultrapassado por...Quaresma. Para um jogo destes e com Quaresma pela frente, parece-nos que MM poderia ter tido outra opção para esta posição.

    Litos (10): Divide culpas com Kaká no lance dos golos. De resto, primeira parte complicada, segunda nem tanto.

    Kaká (10): As mesmas virtudes e os mesmos defeitos de Litos.

    Vítor Vinha (11): Em bom plano. De volta à titularidade, estava a cumprir bem o seu papel e até a ganhar confiança quando MM, após sofrer o 1-2, decidiu retirá-lo de campo. Um jogador jovem como Vinha necessita de confiança, e de minutos, e assim é difícil adquiri-la. Combina bem com Lino, formam uma dupla de qualidade. Estranho é o facto de jogarem poucas vezes juntos. A última vez que jogaram juntos foi em Belém, curiosamente, ou não na última vitória da Briosa. Sintomático.

    Paulo Sérgio (12): Missão de enorme sacrifício na primeira parte, em ue jogou sozinho à frente da defesa. Melhorou, como o resto da equipa, com a entrada de Brum. Precisade treinar o passe, é a sua grande lacuna.

    Dame (11) Missão de grande sacrifício na 1ª parte, em que jogou como médio interior direito, sendo várias vezes obrigado a ir atrás de Quaresma. Ao intervalo MM encostou-o à direita e não mais saiu dali. Capaz de fazer melhor.

    Filipe teixeira (14): Jogo de raça e atitude, aliadas à sua indesmentível capacidade técnica; combina bem com Lino, Joeano e Dame, mas como MM mexe muitas vezes, o entrosamento é impossível de adquirir...

    Lino (14) : Quanto a mim o melhor da Briosa. Não só pelo penalti bem executado, mas pelas combinações e desequilíbrios que causou. Melhor como médio do que como defesa, quando recuou no terreno após a saída de Vinha perdeu fulgor e a equipa ressentiu-se disso.

    Gyano(5): Inofensivo, mais um jogo para não recordar. Louve-se a atitude a ajudar a fechar a direita, tentando limitar as subidas de Fucile e as arrancadas de Quaresma.

    Joeano (11): Pareceu meio perdido na 1ª parte, ainda assim combinou sempre bem com Lino, Teixeira e Dame. Serviu bem Gyano, num lance que poderia ter dado golo.
    Na segunda parte procurou encontrar espaços, mas não teve oportunidade para incomodar Helton.

    Roberto Brum (12): A sua entrada reequilibrou a equipa. Tudo modou, para melhor, na 2ª parte, devido ao facto de o meio campo da Académica ter ganho esta unidade. Deveria (ele ou Alecxandre) ter jogado de início.

    Miguel Pedro (10): Entrou para o lado esquerdo, obrigando Lino a recuar no terreno. Tentou desequilibrar, mas não conseguiu.

    Alexandre (10): Entrou para o lugar do esgotado Paulo Sérgio, dando maior frescura a qualidade de passe ao meio campo da Briosa.


    Manuel Machado (8): Prometeu muito no início da época, pelos excelentes trabalhos que realizou no Moreirense, Guimarães e Nacional, mas o facto é que não tem estado bem nesta sua passagem pela Académica.
    Alterações tácticas em demasia fazem com que, a seis jornadas do fim, a equipa não consiga ter entrosamento.
    A colocação de Gyano no onze em deterimento de um dos médios defensivos foi uma aposta claramente falhada. O jogador Húngaro não tem confiança, não se percebeu esta opção.
    Depois, já a perder, colocou um homem no meio campo e retirou o Húngaro...
    Outro exemplo:A ala esquerda funciona muito bem com Vinha/Lino; não se entende poque não joga com regularidade, nem porque, quando a perder, MM faz recuar Lino, o único capaz de causar desequilíbrios pelas alas.
    Este jogo já se sabia que iria ser complicado, mas MM complicou-o ainda mais.



    A tarefa da Académica está, nesta altura, muito complicada, faltam seis finais para terminar o Campeonato, e, caso aconteça alguma desgraça (leia-se, descida de divisão), MM não poderá deixar de assumir as suas responsabilidades.


    Por agora, todos devem concentrar-se no próximo jogo, em Aveiro, que será decisivo.
    O estádio, que normalmente está vazio, terá de ser assaltado por uma Mancha Negra!

    Força Rapazes!

    Etiquetas: , , ,

    Autor: Diogo Lucas Pires » COMENTE: |

    ...começa a apertar

    Começa a complicar-se, e muito, a situação classificativa da Académica.
    A derrota de ontem frente aos líderes da prova foi escandalosa...não pela derrota em si, mas por um acumular de factores inerentes e externos ao jogo em si. Arbitragem, opções técnicas, etc... será tudo aprofundado mais tarde na análise de Diogo Lucas Pires.

    Académica 1 - 2 FC Porto
    V. Setúbal 1 - 3 Beira-Mar
    Belenenses 3 - 0 Estrela da Amadora
    Nacional 3 - 4 Desp. Aves

    Exceptuando a derrota do Estrela, que foi o único resultado menos mau para os estudantes, todos os outros jogos que interessavam à briosa tiveram um desfecho catastrófico. Foi, até, o pior cenário possível.

    Vamos olhar para a tabela:
    Notas de Manuel Machado

    ...

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    19 estudantes convocados para receber o dragão

    sábado, 14 de abril de 2007

    Convocatória Académica para defrontar o Porto

    Manuel Machado entendeu desta vez convocar 19 jogadores para a partida de logo à noite frente ao FC Porto.

    Pitbull tem sido um dos nomes falados durante a semana. Ora por estar em dúvida, ou recuperado, ou apto, ou em recuperação. Ou será algum acordo de 'cavalheiros' para que o brasileiro não jogue?

    Certo é que faz parte do lote convocado para logo à noite e não está na lista de indisponíveis para esta partida.

    No que concerne aos jogadores impedidos de jogar devido a lesão, Manuel Machado abordou o caso do avançado Cláudio Pitbull.

    "O Cláudio foi convocado. Ontem teve uma pequena lesão. Vai fazer amanhã um exame de diagnóstico para vermos se o podemos ou não utilizar", explicou.

    Milos Pavlovic, Hélder Barbosa, Nuno Luís, Nuno Piloto e Danilo são os outros jogadores indisponíveis.


    ***ACTUALIZAÇÃO:

    Pitbull falhou os testes médicos e fica de fora da partida.


    Etiquetas: ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Análise ao Futebol Clube do Porto

    sexta-feira, 13 de abril de 2007

    academica futebol clube do porto
    O Futebol Clube do Porto, campeão em título, teve, como todos sabem, um início de época atribulado. Co Adriaanse, vencedor do campeonato e da taça, partia para a nova época com o capital de confiança acrescido pelas conquistas conseguidas, mas sem ter nunca conseguido conquistar nem jogadores nem adeptos, potenciado pelas (no mínimo) discutíveis dispensas de Diego e Hugo Almeida para o Werder Bremen e as contratações de jogadores como Ezequias, Tarik Sektioui e João Paulo. Co Adriaanse demite-se em plena pré-época portista, que decide contratar o então técnico do Boavista, Jesualdo Ferreira. Pelo meio, a conquista da Supertaça ao V. Setúbal por 3-0, com o comando de Rui Barros.
    O F.C.P. de Jesualdo Ferreira
    Foi rápida a transição do modelo de jogo de Adriaanse, que radicava num 3x3x4, inspirado no modelo holandês, com forte presença nas laterais e uma pressão em linhas muito subidas do campo, para o modelo preferido de Jesualdo, o 4x3x3, que quase sempre utilizou como técnico arsenalista e que bons frutos lhe deu. O Porto de Jesualdo é uma equipa mais realista na abordagem ao jogo, mais calculista, que não prescinde dos ataques pelas alas e de começar uma pressão em zonas altas do campo. Tal circunstância é permitida pelo facto de ter defesas rápidos, o que lhe permite jogar com mais metros nas costas. Assume, por isso, especial preponderância Pepe, não só pela sua qualidade, capacidade de marcação e jogo aéreo, mas fundamentalmente porque, com a sua presença, o Porto joga uns metros mais à frente, dado que tem a segurança de ter um defesa com capacidade de levar a melhor no 1x1.
    Jesualdo tem, na minha opinião, vários méritos. Desde logo, reabilitou o "proscrito" Postiga, que, sendo o jogador mais bem pago do plantel, não justificava tal folha salarial, tendo-se assumido no Porto versão 2007/2008, como um jogador fundamental, ao ponto de ser o 2.º melhor marcador da liga Bwin. Além disso, apostou no improvável Bruno Alves para o lugar do lesionado Pedro Emanuel, em detrimento de Ricardo Costa, o que fortaleceu o sector defensivo, de tal maneira que este central se assume já como indispensável no 11 titular.
    Acresce que Jesualdo promoveu uma passagem serena de testemunho na baliza, já iniciada com Adriaanse, assumindo-se Helton como o melhor g.r. do campeonato, garantindo já vários pontos para a turma azul e branca.
    Jesualdo, acima de tudo, não tem inventado muito, como fazia o seu antecessor. Aposta na estabilidade, pouco dado a alterações, é um técnico previsível nas escolhas e na abordagem ao jogo. O maior problema deste Porto deste ano? O mercado de inverno.
    O F.C.P. pós mercado de Inverno
    O F.C.P. é uma equipa que, normalmente, compra bem. Nem sempre barato, mas em regra bem. Não me parece, todavia, que o tenha feito este ano. Vejamos. O plantel portista é constituído por 33%de jogadores brasileiros e 11% de argentinos, o que denuncia uma clara aposta do mercado sul-americano. Fiel a essa tendência, em Janeiro, o campeão nacional recrutou Wason Rentería, jovem promessa colombiana para o centro do ataque, e Lucas Mareque, defesa-esquerdo argentino.
    Ora, uma equipa que joga sistematicamente em 4x3x3 e que estava envolvido ainda na Liga dos Campeões, deveria, claramente, ter apostado na vinda de um extremo. Isto porque, a juntar às dispensas de Tarik e Diogo Valente, cedo se percebeu que Alan e Vieirinha raramente seriam soluções válidas. Restam...o inevitável Quaresma e Lisandro Lopez, adaptado ao papel de novo Derlei, assumindo precisamente as funções que o ninja desempenhava nos tempos de Mourinho:fortíssimo na pressão, grande intensidade de jogo, raio de acção alargado na frente de ataque privilegiando as incursões da ala para o centro para surgir no apoio no ponta de lança.
    Com a lesão deste, Jesualdo viu a sua equipa amputada de um extremo fundamental, o que denota a imprecisão das contratações de Inverno. Mareque sempre que jogou nunca deu boa conta do recado, como sucedeu em Leiria e em casa com o Amadora (duas derrotas), e Rentería é a 4a aposta para o centro do ataque, atrás de Adriano, Postiga e até Bruno Moraes.
    O Académica - Porto
    As boas notícias para a Académica começam na ausência de Pepe e na correspectiva entrada de Ricardo Costa para o eixo da defesa, o que certamente fará com que o Porto jogue um pouco mais atrás do que o faz habitualmente. Além disso, Lisandro ainda não está a 100%, o que pode levar a uma adaptação a uma das alas, ou de Postiga, ou de Jorginho, sendo menos prováveol a entrada de Alan.
    Mas as boas notícias acabam precisamente se nos recordarmos que Anderson, o miúdo-maravilha, começa a adquirir ritmo de jogo, que Ibson já está recuperado e que Lucho afastou os problemas físicos. Ultimamente, quando o jogo assume, teoricamente, um grau de dificuldade mais elevado, Jesualdo aposta num 4x4x2 (como sucedeu em Stamford Bridge, e na Luz), com Quaresma e Adriano, soltos, Jorginho ou Anderson no apoio, e um tridente de suporte com Paulo Assunção (excluído do jogo de amanhã), Raul Meireles e Lucho, o que poderá implicar a passagem de Meireles para pivôt defensivo e a entrada de Ibson. Caso opte pelo modelo habitual, o 4x3x3, a dúvida reside sobre quem jogará no vértice mais adiantado do tringulo: se Jorginho se Anderson, entrando Postiga para o lado direito, com Adriano no centro e Quaresma à esquerda.
    Os segredos para sábado passam, assim, por:
    1) - Anular Quaresma. Parece fácil de dizer e de escrever, mas será, obviamente, bem mais difícil de o fazer. Assumiu-se como o motor, o desequilibrador da equipa, ao longo de toda a época, disfarçando o menor rendimento de Lucho e a ausência de Anderson. Marca, dá a marcar, de trivela, pelo chão, pelo ar, enfim. Quem jogar a lateral direito saberá que tem uma das chaves para ganhar o jogo. Ou, pelo menos, para não o perder.
    2) - Suster o meio-campo portista. Raul Meireles, Lucho (a recuperar de uma longa e estranha apatia, eventualmente provocada por problemas físicos), e Jorginho ou Anderson. São eles que pensam todo o jogo, que marcam os ritmos, e que, com Quaresma, municiam Adriano/Postiga.
    3) .- Evitar as subidas de José Bosingwa, cuja falta se fez sentir (e de que maneira) no jogo com o Sporting.
    4) - Tentar explorar o lado esquerdo da defesa do Porto e as bolas em profundidade, face à pouca velocidade de Ricardo Costa, forçando também Lino a subir no terreno, aproveitando a visivel desadaptação de Postiga ao lado direito do ataque portista, tentando, com isso, criar superioridade nas zonas de decisão.
    É um jogo (mais um) importante para a Briosa, mas que não deixa de ser também decisivo para o Porto, pelo que o relógio poderá jogar a nosso favor. Com muita vontade e muito apoio, conseguiremos ajudar a equipa a atingir os seus objectivos.
    Força Briosa!



    Académica x F.C. Porto
    Sábado - 14.04.2007 pelas 21:15 Estádio Cidade Coimbra

    A nossa Briosa disputa no próximo Sábado mais um encontro verdadeiramente
    importante ( nas nossas aspirações),defrontando o Campeão e Líder nacional,
    em encontro a contar para a 25ª jornada da Bwin Liga.
    Assim, e devido a nossa classificação no 13º lugar da liga principal do
    futebol português, apelamos a TODOS a comparência para o APOIO a nossa
    equipa, neste ciclo de jogos complicados e dificeis, pois: "dos Fracos não
    reza a História
    , e nós acreditamos SEMPRE".

    A Organização da Mancha Negra, está a preparar uma Mega coreografia para o
    apoio a nossa mágica briosa, e assim, solicitamos a ajuda de todos no Sábado
    para demonstrarmos juntos, a nossa .
    A concentração está agendada pelas 20horas junto ao Girasolum.

    +info: sede da claque 3º a 6º das 15h ás 19h.


    (transcrição de um e-mail enviado pela claque Mancha Negra, recebido na nossa caixa de correio electrónico: rapazesdepreto@gmail.com )


    Manuel Machado em conferência de imprensa -foto Diário de Coimbra

    foto: Diário de Coimbra

    Aqui ficam as declarações do técnico Manuel Machado na antevisão do jogo de amanhã à noite frente aos dragões do Porto.

    (in Jornal Record -edição online)
    O técnico Manuel Machado afirmou hoje que espera que o encontro amanhã com o FC Porto, da 25ª jornada da Liga, seja bem arbitrado, mas teme que os chamados "grandes" sejam sempre beneficiados pelos árbitros.

    "Espero um bom desempenho do árbitro Carlos Xistra em quem vejo grandes qualidades, no entanto, os 'grandes' só têm é que estar calados quanto a arbitragens. Normalmente são eles que têm algum benefício graças à sua grandeza", apontou Manuel Machado.

    Apesar dos receios, o técnico sublinhou que a arbitragem melhorou imenso, quer ao nível de formação, quer ao nível de técnica.

    Sobre os objectivos frente ao FC Porto, Machado referiu: "Não abdicamos da ambição de pontuar. O futebol tem muitos imponderáveis. Um ponto seria bom, três seria óptimo".

    O técnico da Briosa afirmou que a luta pelo título não lhe diz respeito e que o objectivo é conseguir o mais depressa a manutenção.

    "O meu problema é outro. Quem me dera ter esse problema (luta pelo título). Vamos tentar cometer menos erros defensivos, individuais ou colectivos, para conseguir o melhor resultado", realçou.

    Manuel Machado referiu ainda que a equipa portista tem "grandes valores individuais" e abordou o difícil calendário que os estudantes: "é um calendário difícil aquele que temos pela frente perante equipas de nível internacional, mas estou confiante em pontuar em alguns jogos", aludindo aos jogos com o Sporting de Braga, Sporting e FC Porto (em casa) e ao Marítimo, Beira-Mar e Benfica (fora).

    No que concerne aos jogadores impedidos de jogar devido a lesão, Manuel Machado abordou o caso do avançado Cláudio Pitbull.

    "O Cláudio foi convocado. Ontem teve uma pequena lesão. Vai fazer amanhã um exame de diagnóstico para vermos se o podemos ou não utilizar", explicou.

    Milos Pavlovic, Hélder Barbosa, Nuno Luís, Nuno Piloto e Danilo são os outros jogadores indisponíveis.

    Etiquetas:

    Autor: Nuno Oliveira » COMENTE: |

    Academia ...DOLCE VITA

    quinta-feira, 12 de abril de 2007

    Academia Dolce Vita?
    Ontem, durante a Assembleia Geral de Sócios da Académica, José Eduardo Simões, presidente do clube, efectuou, com recurso a um suporte gráfico, a apresentação da Academia Briosa XXI.

    O ponto em causa da ordem de trabalhos é:
    2. Academia Briosa XXI – Conclusão e Financiamento.

    José Eduardo Simões começou por explicar a primeira fase do processo que envolveu a instalação dos campos sintéticos e os custos que a obra acarretou e ainda a adjudicação das obras do edifício suporte à empresa Baptista de Almeida que terá de concluir a obra em 8 meses.
    Depois da pormenorizada exposição e explicação da obra de tão grande importância para a Académica, o Presidente foi inquirido por alguns sócios sobre a denominação do projecto e sobre como é que a Académica vai conseguir suportar os custos de manutenção de tão ambicioso projecto.

    A esse respeito, Simões não prestou quaisquer esclarecimentos, desviando o seu discurso para o fracasso da Comissão Ad Hoc cujo objectivo era ajudar no financiamento da obra.
    Igualmente, nada disse quanto ao nome, apesar de ter sido lembrado por um dos associados presente na Assembleia Geral que o nome aprovado em local e momento próprios foi o de que seria Complexo Dr.Francisco Soares. Proposta que venceu por larga maioria.

    Apesar disso, a Direcção continuou a denominar o projecto de Academia Briosa XXI, o que demonstra um claro 'atropelo' da vontade dos sócios.

    Durante a apresentação gráfica, de excelente concepção, (pode ser vista no site oficial: www.academica-oaf.pt -faça aqui o download da apresentação em PowerPoint- ) todos puderam ver alguns dos diapositívos onde se lia: «com o patrocínio Grupo Amorim Imobíliaria».
    Na altura este facto, não deixou de intrigar e de remeter novamente para a questão de quem vai suportar os custos de manutenção do Complexo, que não mereceu qualquer resposta.

    Após algumas conversas e contactos, o Rapazes de Preto obteve a informação de que o nome a ser designado para o projécto será, não Complexo Dr.Francisco Soares (votado pelos sócios em anterior AG), nem Academia Briosa XXI, mas sim ACADEMIA DOLCE VITA.

    Segundo a informação que nos foi dada, o Grupo Amorim deverá mesmo ser o patrocinador a 100% do Complexo, que passará a ter o nome de Academia Dolce Vita, sendo a totalidade dos custos, despesas e pagamentos de manutenção e funcionamento assegurados pelo Grupo.

    Etiquetas: , , , ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Resumo da Assembleia Geral de Sócios da Académica

    Foto da Assembleia Geral da Académica 11 Abril 2007 -foto:Diário As Beiras
    A Académica viveu hoje mais um dia de vivência comum entre os seus associados. O momento da Instituição é delicado e o 'cartaz' da AG não era o mais apelativo. Mesmo assim os sócios compareceram em força, enchendo por completo o auditório do Estádio Cidade de Coimbra. Ficou mesmo muita gente de pé.

    Os sócios mais contestatários já o tinham denunciado e os pontos de ordem assim o faziam prever... a AG pretendia ser uma 'reconciliação' entre a Direcção e os sócios e, perante os dados apresentados pelo Presidente, ser uma apoteose de José Eduardo Simões, que segundo comentaram vários sócios presentes, era já uma acção de campanha de re-candidatura do actual Presidente.

    Acabou por ser uma AG bem diferente do esperado. Teve pouco de pacífica do ponto de vista ideológico e o clima pré-eleitoralista lançou o espectro da criação e identificação de várias facções e grupos com aspirações à Direcção. Pareceu-me muito saudável tal fenómeno. Aquece o coração de qualquer académico sentir tanta vida na Instituição. Acima de tudo, viu-se vontade de dar a cara, vontade de trabalhar e ser útil à associação. Vi muita determinação e pouco oportunismo.

    O que se esperava ser 'um passeio de consagração' por parte da Direcção, acabou por ter um resultado bem diferente.


    Uma das questões quentes, e de resto uma das principais preocupações dos sócios da briosa neste momento prende-se com a data das eleições. Questão colocada por José Eduardo Ferraz, que apoiou a sua intervenção na resposta dada por Almeida Santos à carta por si enviada. Na carta, Almeida Santos referia que não era abusiva a interpretação de Ferraz, estando até correcta. Mas, hoje, ao responder ao associado, defendeu outra interpretação dos Estatutos advogando para isso outro artigo, que não o das eleições em Abril. Sendo assim, vale o tempo de mandato de 3 anos que conta a partir da tomada de posse da actual direcção, ou seja, 11 de Janeiro de 2005. Eleições só em 2008.

    No mesmo ponto, cabia agora o esclarecimento da questão do pedido de uma Assembleia Geral Extraordinária cujo primeiro signatário é João Francisco Campos. Almeida Santos justificou a sua decisão de não convocar a mesma, pois a ordem de trabalhos era inválida por se prender com questões de interpretação dos estatutos. O Presidente da Mesa da Assembleia Geral voltou a sublinhar a urgência da revisão dos estatutos.

    Ainda na parte prévia à ordem de trabalhos, Ricardo Ferraz questiona a Direcção sobre o 'caso Dame'. A Direcção, na voz de António Preto, remete para o comunicado emitido na altura, não adiantando qualquer outro esclarecimento, o que inquietou alguns associados que acusaram a direcção de 'nunca responder' aos sócios e de 'fazer constantemente jogo de cintura'.

    Luís Santarino faz, pela primeira vez, uso da palavra na AG e inquire sobre o carácter ordinário ou não da sessão. Baseia-se nos estatutos, recordando o artigo 59 no qual estão as datas das sessões ordinárias, e depois o artigo 60, que prevê as extraordinárias. Aí Almeida Santos acaba por confessar que foi a Direcção que lhe endereçou o pedido convocando a AG, o que faz desta extraordinária à luz do 60º artigo. O já assumido candidato prossegue avisando os sócios sobre o artigo 64, o qual contempla as autorizações para contrair empréstimos e liga-o ao ponto da ordem de trabalhos sobre a conclusão da Academia Briosa XXI.

    Almeida Santos acaba por responder que a AG é ordinária e que apenas passou 11 dias do prazo por culpa própria e «impossibilidade pessoal», visto estar em Moçambique.


    Passa-se para a ordem de trabalhos e José Eduardo Simões toma a palavra explicando com recurso a um suporte gráfico a grelha das contas, entretanto distribuída aos sócios.

    Nessa apresentação, um dos diapositivos mencionava quase palavra a palavra uma das notícias avançadas já há algum tempo pelo Rapazes de Preto dando conta da redução em 30% do passivo dos 12.12 para os 8.54 milhões de euros. Anúncio que apesar de notável não levou a uma 'salva de palmas' nem a qualquer manifestação por parte dos presentes.

    Anunciou ainda, José Eduardo Simões que a Académica já é detentora de 60% do edifício PROCAC (sede dos Arcos). Faltou apenas dizer que as obras de restauro ainda não se iniciaram, coisa que havia dito no jantar da aniversário da Claque Mancha Negra em Março.

    Neste ponto, Santarino volta a pedir esclarecimentos e Lucílio Carvalheiro, ex.presidente do Conselho Fiscal de Campos Coroa também o faz, apontando para o valor da dívida real da Académica ser de 4.5M e não de 2M, como havia sido anunciado meses antes.

    Santarino volta atrás à questão dos activos e questiona a política da Direcção nesse âmbito. Ao referir-se a «sucessivos erros de casting» na contratação nomeadamente de jogadores brasileiros acaba por afirmar que Káká não era uma mais-valia, provocando na sala uma gargalhada geral. Falou ainda do caso Marcelo e da 'teimosia' da Direcção em não querer chegar a acordo com o jogador, forçando-o à via judicial, a qual obrigou agora a Académica a pagar 125 mil euros ao ex.atleta.

    Seguiu-se uma das principais intervenções da noite, pela voz de António Ferrão que aponta todas as coisas que na sua opinião estão mal na Instituição e acusa José Eduardo Simões de ser um fraco líder e da crise de liderança que a associação atravessa neste momento. Fala também dos activos e dos erros de casting dos jogadores. «Todos os anos há um plantel novo», concluiu Ferrão, que confrontou ainda o presidente com a falta de solidariedade institucional entre Direcção e Manuel Machado e que a excessiva rotatividade do plantel todos os anos é prejudicial. Terminou, afirmando que caso se mantenha este rumo admite candidatar-se às eleições se tiver apoios para isso à semelhança dos que tem Simões. Mas, como o Rapazes de Preto também já tinha anunciado, José Eduardo Simões está a encontrar grandes dificuldades em reunir apoios, até por parte de alguns 'notáveis' que aguardam a decisão de Zé Belo, também presente na sessão.

    José Eduardo Simões prossegue para o ponto seguinte da ordem de trabalhos e apresenta, mais uma vez com recurso a um vistoso suporte gráfico a Academia Briosa XXI.

    Neste ponto foi interpelado na questão do nome, visto ter sido deliberado em Assembleia Geral que o nome seria Complexo Dr.Francisco Soares e não Academia Briosa XXI.

    Seguiu, no entanto, após referir a conclusão da instalação dos campos sintéticos para o edifício principal. O Edifício está adjudicado por concurso à empresa Baptista de Almeida, a qual tem como prazo útil para a concretização da obra, 8 meses.

    Sobre a criação de uma Comissão Ad Hoc para ajudar no financiamento da obra, João Francisco Campos esclareceu que se ofereceu para emprestar a quantia definida por pessoa, mas não para integrar a mesma que nunca chegou a ser constituída.

    Passou-se de seguida para o 3º ponto da Ordem de Trabalhos, que se prende com a renumeração dos sócios e que inquietou a sala. Este ponto sensível levou a várias propostas e intervenções, de forma a que se decidiu votar ponto a ponto a proposta final, tendo deliberado a Assembleia que a renumeração dos números dos associados será feita até Julho, passando os sócios a ter um só cartão de acesso ao Estádio mediante o pagamento de 10 euros. Serão alvo de renumeração os sócios activos e os inactivos até 2004 que regularizem as suas quotas até ao dia 20 de Maio. O principal critério para a renumeração é a antiguidade. Decidiu ainda a Assembleia que o Dr.Isabelinha e Veiga Simão partilhem o número 1, e que não haja hereditariedade ou transmissão do número de sócio mesmo que se trate de uma alta individualidade académica.

    Simões informou ainda a Assembleia que a Instituição tem já mais de 20 mil sócios, sendo que cerca de 11 mil são pagantes e activos.

    Concluiu-se a sessão com informações de protocolos estabelecidos com o British Council, When You Wish Upon a Star, o fracasso de passar o museu académico para o estádio e ainda de problemas mecânicos do autocarro... já com os associados a abandonar a sala.


    A AG serviu para 'medir o pulso' aos associados e uma conclusão simples salta à vista. José Eduardo Simões já não conta com o mesmo apoio dos sócios que o elegeram nas últimas eleições... longe disso!

    Na retina ficou a beleza da nossa Instituição e a certeza de que todos estão concentrados em apoiar a equipa neste final complicado de campeonato. Mas uma coisa é insofismável, foi uma AG cujos assuntos debatidos e a ordem de trabalhos não correspondem às reais preocupações actuais dos sócios. Foi evidente um certo desgaste da paciência da generalidade dos associados que não se contentou apenas por saber algumas boas notícias enquanto outros assuntos mais importantes ou mais graves passaram ao lado da discussão.


    Pediu o leitor Miguel Almeida que se divulgasse alguns nomes presentes e algumas ausências, que agora passo a enunciar.

    PRESENÇAS: António Ferrão, Luís Santarino, Ricardo Lopes, Tiago Carraça, João Paulo Fernandes, Braga da Cruz, Zé Belo, Serafim, João Francisco Campos, José Eduardo Ferraz, Luís Godinho, José Viterbo, Mário José de Castro, Lucílio Carvalheiro, Carlos Cidade,...

    AUSÊNCIAS: Maló de Abreu, Álvaro Amaro, Campos Coroa, (penso também não ter visto Jaime Soares)

    Etiquetas:

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Académica x Futebol Clube do Porto. Todos ao Estádio

    academica futebol clube do porto
    Académica x F.C. Porto
    Sábado - 14.04.2007 pelas 21:15 Estádio Cidade Coimbra

    A nossa Briosa disputa no próximo Sábado mais um encontro verdadeiramente
    importante ( nas nossas aspirações),defrontando o Campeão e Líder nacional,
    em encontro a contar para a 25ª jornada da Bwin Liga.
    Assim, e devido a nossa classificação no 13º lugar da liga principal do
    futebol português, apelamos a TODOS a comparência para o APOIO a nossa
    equipa, neste ciclo de jogos complicados e dificeis, pois: "dos Fracos não
    reza a História
    , e nós acreditamos SEMPRE".

    A Organização da Mancha Negra, está a preparar uma Mega coreografia para o
    apoio a nossa mágica briosa, e assim, solicitamos a ajuda de todos no Sábado
    para demonstrarmos juntos, a nossa .
    A concentração está agendada pelas 20horas junto ao Girasolum.

    +info: sede da claque 3º a 6º das 15h ás 19h.


    (transcrição de um e-mail enviado pela claque Mancha Negra, recebido na nossa caixa de correio electrónico: rapazesdepreto@gmail.com )

    Etiquetas: , ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Logo há Assembleia geral de Sócios da Académica

    quarta-feira, 11 de abril de 2007

    Está marcada para o inicio da noite de hoje, a Assembleia Geral de Sócios com carácter ordinário.

    O 'Rapazes de Preto' vai lá estar em representação pessoal e em nome próprio, e não do blog, fazendo uso do seu direito de associados, marcando presença e depois transmitindo aqui, no final, os principais acontecimentos da AG.




    Depois de muita contestação por parte de alguns grupos de associados devido a episódios que consideraram ser de má gestão do clube e que levaram à suspensão do mandato e demissão de dois "vices", os sócios exigiram respostas por parte da direcção, nomeadamente sobre o caso Dame, a data das eleições, e a classificação da equipa sénior de futebol.

    Nesse sentido, fizeram-se cartas de pedido de informações e abaixo-assinados com a finalidade de convocar uma Assembleia geral extraordinária. Mas, o resultado de tudo isso foi nulo. A Assembleia Geral de Sócios, convocada para daqui a alguns minutos, é ordinária e não contempla nos seus pontos nenhuma das questões que tão fervorosas reacções geraram entre os adeptos.

    Para alguns sócios e grupos de adeptos, esta Assembleia Geral tem como único propósito, ser uma manobra de charme e de cosmética juntos dos associados, na medida em que a direcção de José Eduardo Simões vai apresentar números que apontam para uma descida do passivo de 12 para 8 milhões de euros, a conclusão da instalação dos campos sintéticos no Bolão e ainda a proposta de renumeração dos sócios.

    Para os sócios 'contestatários', estas propostas e valores apresentados vão cair bem juntos dos sócios e evitar que percebam, no seu entender, que se trata de uma operação de fachada e que esconde e desvia a discussão dos assuntos realmente importantes para estes associados.

    Daqui a pouco saberemos o que se vai passar.

    Etiquetas: ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Notícias académicas

    É já hoje, Quarta-feira que se realiza no Auditório do Estádio Cidade de Coimbra a Assembleia Geral de Sócios ordinária.

    A Assembleia Geral terá a seguinte Ordem de Trabalhos:

    1. Apreciação do Relatório de Contas do 2º semestre de 2006, correspondente à Época Desportiva 2006/2007.
    2. Academia Briosa XXI – Conclusão e Financiamento.
    3. Apreciação e votação da Proposta de renumeração dos Associados.
    4. Informações

    Está marcada para as 20 horas, hora de jantar, mas manda o ponto referente ao quorum ou à sua ausência que se adiem os trabalhos por uma hora.


    Sábado joga-se o Académica, FCPorto a contar para a 25ª jornada da BWin Liga.
    Aqui estão os preços dos bilhetes:

    Não sócios:

    Sul inferior – 20 euros
    Sul superior – 25 euros
    Nascente e Poente inferior – 30 euros
    Nascente e Poente superior – 35 euros
    Bilhete infantil (até aos 10 anos) – 10 euros


    Sócios:

    Poente e nascente inferior – 10 euros
    Poente e nascente superior – 12,5 euros
    Infantil – 5 euros
    Nota: os sócios tem obrigatoriamente que ter paga a quota de Março.

    Bilhetes à venda no ECC (sócios e não sócios) e nas lojas Briosa/TBZ do Dolce Vita e na Loja Oficial da AAC na Rua Padre António Vieira.


    JOSÉ FRANCISCO E FLÁVIO FERREIRA ALINHARAM NOS TRÊS JOGOS DA SELECÇÃO DE SUB-16 NO TORNEIO INTERNACIONAL DE CASTELO BRANCO

    José Francisco e Flávio Ferreira, atletas da equipa de juvenis da Académica, carimbaram pela primeira vez os seus “passaportes de internacionalizações”.
    Ambos alinharam nos três encontros e José Francisco estreou-se a brilhar, assinando um golo em cada um dos dois primeiros jogos.

    Estão de parabéns os dois atletas e todos aqueles que contribuem para o excelente trabalho que está a ser desenvolvido pelo departamento de formação da Briosa.

    (notícia adaptada do site oficial www.academica-oaf.pt a qual nos deixa muito orgulhosos)


    Recebemos na nossa caixa postal um e-mail de um antigo dirigente da Académica, que foi presidente da Secção de Futebol, e teve a gentileza que nos enviar a lista correcta dos jogadores da Académica que já foram à Selecção Nacional estando ao serviço do clube.

    Capela, Costa, Manuel António, Gervásio, Mário Campos, Torres, Pacheco Nobre, Pedro Xavier, Peres, Ribeiro, Rui Rodrigues, Serafim, Vitor Campos, Gomes, Artur Jorge, Rocha, Bentes.

    A Selecção B foram: Lucas, Peixoto, Alhinho, Oliveira Duarte, Fernando Freitas e Ernesto.

    Os restantes jogadores que por lapso mencionei tiveram as suas internacionalizações já noutros clubes.

    Agradecemos a carta e pedimos a todos os leitores que queiram ter voz neste blog de todos os academistas que o façam, escrevendo para: RAPAZESDEPRETO@GMAIL.COM com o assunto: Cartas do Leitor.

    Etiquetas: , , ,

    Autor: Libelinha » COMENTE: |

    Estrela da Amadora - Académica. Empate com sabor amargo....

    segunda-feira, 9 de abril de 2007

    Analise de Diogo Lucas Pires

    A Académica registou, na Reboleira, o seu empate consecutivo neste Campeonato(Liga Bwin), diante de um dos seus adversários directos na luta pela manutenção, o Estrela da Amadora.

    Se analisássemos este resultado numa perspectiva intemporal poderíamos até dizer que se tratava de um resultado positivo. Mas, tendo em conta a posição da Briosa na tabela, olhando para o calendário que tem pela frente e para os resultados que tem feito, e principalmente se atentarmos ao que se passou na Amadora, a Académica acabou por perder dois pontos...

    Mais uma vez a equipa revela as virtudes e os defeitos que quase todos já diagnosticaram:

    -Um ataque de qualidade (desde a chegada de Joeano e Pitbull)
    -Uma defesa de manteiga

    E foi precisamente assim que se comportou a equipa na Amadora. Bem no ataque, mal na defesa. Incrível o modo como sofrem o 1º e 2º golos....

    O jogo começou bem, com um golo marcado cedo, mas com duas falhas imperdoáveis da nossa defensiva o Estrela chega ao intervalo a vencer (2-1).
    Na segunda parte Joeano (entrado aos 30 min) dá a volta ao marcador, mas o Estrela volta a empatar, na sequência de um penalti (forçado, mas existente).
    Daí até ao final só deu Briosa, mas não conseguimos chegar à vitória....

    Uma palavra para o "nosso" Dário, um grande senhor, de fazer inveja a muita gente podre que anda neste futebol.
    Marcou golo, de frente para o amigo Pedro Roma e para a Mancha Negra, mas não festejou.
    Manteve-se cabisbaixo, triste até, mostrando a quem quis ver que ainda há quem tenha convicções, e que o futebol não é só feito de tostões...


    Pedro Roma (12): Sem culpas nos golos. No entanto, fica o conselho: com uma defesa assim, Pedro, tens mesmo de sair a todos os cruzamentos... De resto, pouco trabalho.

    Sarmento (9): Sem se aventurar no ataque e pouco afoito na defesa, viu cedo o amarelo e foi para as cabines para dar lugar a Joeano (30 min).

    Litos (10):Foi ultrapassado nas alturas por Anselmo no primeiro golo do Estrela. De resto não se viu, mas o mal já estava feito...

    Medeiros (10): É espantoso o modo como (não) transmite segurança ao sector...

    Lino (12): Bem a atacar, marcou um livre fantástico, que por azar não deu golo.
    A defender... Já sabemos...

    Alexandre (11): Não comprometeu enquento esteve em campo, foi igual a ele próprio, mas ficou nas cabines ao intervalo, quando MM decidiu mudar tudo.

    Paulo Sérgio (11): No meio campo está como gosta, tem espaço para destruir, mas cometeu o pecado de fazer a falta que deu origem à grande penalidade, que faria o resultado final...

    Nuno Piloto (11): 45 minutos em campo, nos quais se viu pouco, mas em que mostrou que podem contar com ele. Jogou a médio e a lateral direito após a saída de Sarmento.

    Filipe Teixeira (13): Joga e faz jogar a equipa. Não terá sido dos seus melhores jogos, mas a bola nos seus pés tem outro tratamento. Se conseguisse melhorar os timings para soltar a bola seria um fora-de-série...

    Dame (12): Outro jogador que não sabe jogar mal. Por vezes parece alheado do jogo, mas quando arranca deixa tudo para trás. Jogou como avançado, depois como médio direito, e finalmente como médio centro...Tudo isto em apenas 90 minutos... Assim é difícil fazer melhor, não é verdade prof. MM?

    Pitbull(12): Aproveitou uma falha do Estrela para inaugurar o marcador, e combinou bem com Teixeira e Dame, na 1ª parte, como avançado.
    Após o intervalo encostou-se à ala direita e viu-se menos. Ainda tentou, de livre, marcar de novo, mas não conseguiu. Precisa de estar mais em jogo, pois há momentos em que parece alhear-se totalmente....

    Joeano (13): Entrou aos 30 minutos e deixou a sua marca, na 2ª parte, ao apontar 2 golos. Rápido, mexido, só não teve arte para fazer aquele que seria o 3-4, já perto do final, num falhanço digno de...Gyano...

    Danilo (11): A sua entrada veio dar mais consistência à defensiva academista, apesar de o Estrela pouco ter feito em termos ofensivos na 2ª parte. A Briosa passou a jogar com 3 defesas.

    Gyano (5): Entrou ao intervalo, e, mais uma vez, deixou marcas negativas na partida, ao falhar escandalosamente um golo feito. A sua entrada (45 min) pareceu uma precipitação de MM.


    Manuel Machado (9): Após a última partida, em casa fente ao Leiria, na qual, estando empatado, retirou de campo Joeano, Dame e Pitbull, desta feita MM terá errado novamente, parece-nos, já que não terá "lido" bem as indicações que a equipa deu durante o 1º tempo.
    Não discutindo as entradas no onze inicial (24 onze em 25 partidas) de Sarmento e Piloto no onde (jogadores que merecem todas as oportunidades), o facto é que, se a entrada madrugadora de Joeano (30 min) se aceita, pelas garantias que o brasileiro dá à equipa, a entrada de Gyano (45 min) não se entende de modo algum.
    A equipa estava bem ofensivamente, pressionava o Estrela, e com uma frente de ataque constituída por Joeano, Pitbull, Teixeira e Dame, o Estrela estava em dificuldades.
    MM mais uma vez retira jogadores do meio campo (Piloto e Alexandre) para colocar um ponta de lança que, como vem sendo hábito, nada trouxe de positivo à equipa. O meio campo deixa de existir, e o ataque em nada ficou a ganhar com a entrada do Húngaro. Para além disso, Dame e Pitbull são obrigados a mudar de posição, rendendo menos...

    Muitas vezes criticámos Vingada por não mexer na equipa durante os jogos, mas para mexer mal, prof, mais vale não mexer...


    Para a recepção ao Porto, já com Brum e Kaká, esperemos que o Estádio Cidade de Coimbra se encha de negro, e que no final possamos cantar vitória...

    Etiquetas: ,

    Autor: Diogo Lucas Pires » COMENTE: |